Notícias

Palestra sobre ética é realizada com colaboradores do Senac-DF

O Senac-DF realizou na manhã desta terça-feira (13), no canal do Youtube da entidade, um evento com colaboradores, intitulado Conversando Sobre Ética, que contou com a palestra da coordenadora dos cursos de Gestão Comercial e Marketing da Faculdade de Tecnologia e Inovação do Senac-DF, Graciere Barroso. A ação faz parte da revisão do Código de Ética da instituição – que regulamenta a conduta e a ética no ambiente de trabalho, como parte do Programa de Integridade. O diretor regional do Senac, Augusto César Chabloz, expressou o seu contentamento em participar desse projeto.

Segundo Augusto, é necessária uma compreensão exata do assunto, além de uma atenção à situação da ética e da lisura nos processos. “É com muita alegria que participamos dessa reformulação, onde nossos controladores estão à frente, juntamente com os grupos de trabalho. Todos sabemos o quanto é importante sempre caminhar em uma boa trilha, ainda mais em uma instituição como o Senac-DF: uma vitrine, onde somos vistos por toda a sociedade”, disse. Ele destacou ainda que todos os setores da entidade vão ajudar com a reformulação desse projeto de grande relevância.

O chefe da Controladoria Interna do Sesc-DF, Valdir Agapito Teixeira, participou do evento, já que a instituição também está revisando o seu código de ética e estabelecendo um programa de integridade. Na oportunidade, ele agradeceu a cooperação entre as duas entidades. “Temos dividido várias experiências na área de processos e projetos e também sobre assuntos ligados à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e no que versa o programa de integridade. É muito gratificante essa parceria com duas entidades irmãs”, destacou Valdir.

De acordo com o Chefe da Controladoria do Senac-DF, Américo Martins, a expectativa é que o trabalho seja concluído em meados de setembro. Agora, segundo ele, o próximo passo é a realização de uma consulta pública junto aos colaboradores da entidade. O gerente da unidade do Senac de Taguatinga, Ledir Júnior de Almeida, e coordenador do Grupo de Trabalho responsável pela revisão do código de ética, também esteve presente ressaltando que a revisão será um grande desafio e que deverá contar com a participação de todos os colaboradores.

A coordenadora dos cursos de Gestão Comercial e Markting da Faculdade de Tecnologia e Inovação do Senac-DF, Graciere Barroso, iniciou a palestra explicando que a ética é um exercício de reflexão para entender melhor alguns assuntos que possam ser complexos. Além disso, ela destacou que a ética está ligada diretamente ao profissionalismo e à rotina de vida, podendo dar um início para diversos processos. De acordo com ela, a ética tem sido utilizada por muitos anos, sendo a principal reguladora para o desenvolvimento, seja ele cultural ou histórico.

Sobre os benefícios da ética no local de trabalho, Graciere destacou que é interessante pensar que ela promove um ambiente de respeito mútuo e colaboração que acaba favorecendo a troca de ideias e um bom relacionamento interpessoal. “Esses fatores impactam diretamente o clima organizacional, que traz qualidade de vida para os profissionais e gera crescimento e melhores resultados. Além disso, gera integridade para a instituição e colaboradores, promovendo um ambiente íntegro e de melhor qualidade de vida”, disse.

Ela também explicou o conceito da palavra ética. “É o estudo do juízo de apreciação, referente à conduta humana, que chancela o entendimento de como uma pessoa age e sua postura. Falar de ética é falar de convivência humana, tendo um olhar para o outro. Pensar no que é a minha vida junto com as outras pessoas”, ressaltou.

A palestrante também deu exemplos de ética no trabalho. “A responsabilidade ajuda a criar um perfil que todas as empresas desejam – respeito aos prazos, cumprimento de tarefas e cuidado com o patrimônio da empresa. Já a humildade tem que ser permeada para todas as pessoas na organização, passando pelo gestor e toda a cadeia produtiva, onde ter uma postura ética é encarar o erro de frente, não ter vergonha disso e arranjar um propósito para que os resultados desse erro possam ser minimizados. Já a coerência será a continuidade da fala atrelada com a ação, e o respeito é o primeiro caminho. Ter respeito é abandonar uma postura individualista e se reconhecer como parte do todo”, explicou. Para ver o evento, acesse o link: https://youtu.be/xHULw_Veno4.

1

Daniel Alcântara